Directo ao conteúdo
Ministério dos Negócios Estrangeiros da Finlândia

Embaixada da Finlândia, Lisboa: Info Finlândia: Literatura

EMBAIXADA DA FINLÂNDIA, Lisboa

Rua do Possolo 76-1°
1350-251 Lisboa, Portugal
Tel +351 21 393 30 40, Fax:+351 21 390 47 58
E-mail sanomat.lis@formin.fi
Português | Suomi | Svenska | facebook
Tamanho de letra_normalTamanho de letra_maior
 

A relação entre Portugal e Finlândia no tocante a literatura

Dra Iris Schwanck,  Directora de FILI - Finnish Literature Information Centre

É muito interessante fazer uma comparação, em relação aos livros publicados e as suas origens e a literatura traduzida em relação á literatura nacional. Por exemplo, na Alemanha a quota da literatura anglo-saxónica é de cerca de 70 %, sendo a da literatura portuguesa de cerca de 0,5 - 0,7 %. A quota da literatura finlandesa é ainda menor. Na Grã-Bretanha a quota de obras clássicas traduzidas, em relação a toda a literatura publicada é de menos de 3 %. Na Finlândia o valor equivalente era no ano de 2000 de quase 71 %.

Portugal e Finlândia são dos países pequenos inseridos na Comunidade Europeia. O intercâmbio de traduções entre Portugal e a Finlândia tem sido desequilibrado nos últimos dez anos. As obras de Paulo Coelho, Fernando Pessoa, José Saramago e António Tabucchi, foram traduzidas de português para finlandês após 1990, no total foram traduzidas sete obras destes escritores, por cinco tradutores, sendo editadas por quatro editoras diferentes, e mais estão a caminho, por isso existem perspectivas futuras bastante animadoras.

Para português foi traduzida a obra da escritora Tove Jansson " O Cometa na Terra dos Mumins", sendo esta traduzida da versão inglesa e a obra da escritora Rosa Liksom "Os Paraísos do Caminho Vazio", ambas em 1994. A obra do escritor Mika Waltari, "João o Peregrino" foi publicada no Rio de Janeiro em 1990 e "Cabelos de Ouro" também do mesmo autor em 2001, em Lisboa, cuja tradução para português foi baseada na versão francesa.

Tem sido possível estudar a língua portuguesa, na Universidade de Helsínquia, desde a década 80. A maior parte dos tradutores de português têm ali iniciado os seus estudos. O estudo da língua finlandesa, através de cursos básicos e avançados em Portugal, é possível somente desde há alguns anos, na Universidade do Porto. O escasso ensino universitário, reflecte directamente a situação a nível de traduções de obras literárias, entre os dois países. O português, é a única língua da Comunidade Europeia, onde não existe tradução da obra Kalevala, epopeia finlandesa. Agora foi iniciado um projecto, para dar inicio á sua tradução, que servirá como base de estudo na Universidade do Algarve. O livro Os Lusíadas, epopeia portuguesa, não tem tão-pouco uma tradução para finlandês, por conseguinte o objectivo é o de realizar ao mesmo tempo uma tradução destas duas obras. 

Imprima esta página

actualizados 08-07-2009


© Embaixada da Finlândia, Lisboa | Informações sobre o serviço on-line | Contacto