Directo ao conteúdo
Ministério dos Negócios Estrangeiros da Finlândia

Historiadores sem Fronteiras - Embaixada da Finlândia, Lisboa : Actualidades : Notícias

EMBAIXADA DA FINLÂNDIA, Lisboa

Rua do Possolo 76-1°
1350-251 Lisboa, Portugal
Tel +351 21 393 30 40, Fax:+351 21 390 47 58
E-mail sanomat.lis@formin.fi
Português | Suomi | Svenska | facebook
Tamanho de letra_normalTamanho de letra_maior
 

Historiadores sem Fronteiras

No passado dia 15 de Dezembro, a Embaixadora da Finlândia em Portugal, Sra. Tarja Laitiainen organizou a apresentação de uma nova iniciativa finlandesa denominada por Historians without Borders (HWB) (Historiadores sem Fronteiras). A iniciativa visa promover a discussão pública sobre a história e trazer os conhecimentos dos historiadores para a resolução dos conflitos e para os processos de paz. A iniciativa Historians without Borders in Finland, (Historiadores sem Fronteiras na Finlândia), foi criada pelo antigo Ministro dos Negócios Estrangeiros, Sr. Erkki Tuomioja em Junho de 2015.

Fotografia: Historians without Borders.
Embaixadora da Finlândia, Sra. Tarja Laitiainen e president do Historians without Borders, antigo Ministro dos Negócios Estrangeiros, Sr. Erkki Tuomioja.
Embaixadora da Finlândia, Sra. Tarja Laitiainen e president do Historians without Borders, antigo Ministro dos Negócios Estrangeiros, Sr. Erkki Tuomioja.

Antes de começar a sua apresentação da iniciativa HWB, o Sr. Tuomioja mencionou estar muito satisfeito com a eleição de António Guterres, para o cargo de Secretário-geral das Nações Unidas e recordou as várias ocasiões em que teve oportunidade de reunir-se com o antigo Primeiro-ministro de Portugal, ao longo da sua carreira.

Sr. Tuomioja recordou que foi também durante os anos como deputado e antigo Ministro dos Negócios Estrangeiros, que observou como a história continua a ter um papel, muitas vezes negativo, nos vários conflitos e como é muitas vezes usada erradamente, dificultando o processo da resolução do conflito. Para tornar os processos de paz duradouros e sustentáveis, os desacordos históricos e os conflitos devem ser tratados publicamente e entre os historiadores.

Às vezes os historiadores usam a história de forma errada propositadamente, para atingir objectivos políticos, mas mais frequentemente a história é usada pelo políticos, como veículo, para atingirem os seus objectivos políticos. Por esse motivo, o Sr. Tuomioja, doutorado em história política, começou a pensar como esse uso errado da história poderia ser prevenido e como os historiadores e os conhecimentos da história poderiam ser trazidos para um papel mais activo no processo da mediação de paz.

O desafio, segundo o Sr. Tuomioja é não só o abuso directo da história, mas também a perda gradual de interesse pela história e pelos factos históricos. As pessoas parecem não possuir um entendimento profundo sobre história e, por isso, tornam-se mais propícias à manipulação dos políticos que usam mitos históricos e propaganda para atingirem os seus próprios objectivos. O Sr. Tuomioja concluiu a sua intervenção convidando os historiadores para contribuírem activamente, para a remoção da história como instrumento de promoção de conflitos e, por outro lado, tentarem usar a história como instrumento de criação do entendimento alargado entre as pessoas.

No fim, o Sr. Tuomioja convidou todos os historiadores presentes a juntarem-se à rede, através da assinatura da declaração de Historiadores sem Fronteiras.

Mais informações:

Historians without Borders

Imprima esta página

actualizados 04-01-2017


© Embaixada da Finlândia, Lisboa | Informações sobre o serviço on-line | Contacto